edição digital

Concelho de Penacova pede doação apenas dos bens necessários

10/11/17 REGIONAL Imagem

Desde 1 de novembro, a receção de bens no posto de recolha solidária de Penacova passou a ser feita aos fins-de-semana. Penacova precisa de Ferramentas agrícolas, alfaias, materiais de construção, árvores e plantas

Os incêndios que atingiram o concelho destruíram importantes áreas florestais, habitações, empresas e levaram à extinção de postos de trabalho.
O município de Penacova mantém aberto o posto de recolha solidária, localizado na Casa do Povo de São Pedro de Alva, que tem recebido inúmeras doações de Portugal e dos portugueses no estrangeiro.
Desde 1 de novembro, a receção passou a ser feita aos fins-de-semana e a autarquia pede que sejam entregues apenas os bens que estão em falta, “de que se destacam as ferramentas agrícolas, as alfaias, materiais de construção, árvores e plantas”, informa numa nota.
Durante a semana, a entrega destes bens deve ser antecedida de marcação com os técnicos ou grupo de voluntários responsáveis pela recolha, acrescenta a nota divulgada pela autarquia de Penacova.
Humberto Oliveira, presidente do município destaca “o trabalho inexcedível do grupo de todos os voluntários que se uniu em torno desta causa, bem como o enorme esforço dos sobreviventes”. O autarca agradece a solidariedade e ajuda “que em força chegou até nós, oriunda de todo Portugal mas também dos portugueses na diáspora”. O apoio que tem chegado ao município é, nas palavras do autarca, “uma mensagem de esperança no futuro, permitindo que tão breve quanto possível, as famílias possam regressar à normalidade das suas vidas”.

MUNDO PORTUGUÊS - ASSINE JÁ

Medalha de Mérito das Comunidades


Maior Onda surfada do Mundo


Mundo Português TV


Mundo Português APP





Meteorologia

Marcas Grupo