edição digital

Vila do Conde abre Mosteiro de Santa Clara ao público

14/03/17 REGIONAL Imagem

As visitas guiadas e gratuitas integram as comemorações dos 1064 anos sobre a data da mais antiga referência documental da terra

A 26 de março a cidade, sede do concelho com o mesmo nome, no distrito do Porto, celebra os 1064 anos sobre a data da mais antiga referência documental conhecida com o nome da nossa terra.
Vila do Conde é um dos mais antigos termos do norte de Portugal. As suas origens estão para lá da fundação do território português, remontando ao ano de 953 o primeiro documento escrito que refere ‘Villa de Comite’, numa carta de venda de bens, por Flamula Deo-Vota, ao Mosteiro de Guimarães.
Este ano, as comemorações irão estender-se pelo fim de semana de 25 e 26 de março e terão como ponto alto, as visitas guiadas e visitas livres ao Mosteiro de Santa Clara. “Os vilacondenses, turistas e visitantes terão a oportunidade de conhecer ou revisitar o Mosteiro de Santa Clara, seguindo um percurso previamente delineado e obedecendo a elementares regras de segurança”, explica uma nota divulgada pela autarquia.
Para usufruir de visita guiada, os interessados deverão inscrever-se na Loja Interativa de Turismo, pelo telefone 252 248 445 ou pelo email turismo@cm-viladoconde.pt
O mosteiro franciscano de Santa Clara de Vila do Conde está classificado como Monumento Nacional. Foi um convento feminino instituído em 1318. O mosteiro e a sua igreja foram mandados construir por D. Afonso Sanches (filho ilegítimo de Dinis I de Portugal) e sua mulher, D. Teresa Martins. Extinto no século XIX, do antigo conjunto, restam a magnífica igreja em estilo gótico e parte do edifício conventual, reedificado no século XVIII. Na igreja estão as arcas tumulares de D. Afonso Sanches e D. Teresa Martins de Meneses, meticulosamente esculpidas em todas as faces com representações de cenas bíblicas, e dois pequenos sarcófagos dos filhos dos fundadores. Ali estão também os túmulos de Beatriz de Portugal, filha de D. Nuno Álvares Pereira, e de D. Fernando de Meneses e sua mulher, D. Brites de Andrade, senhores de Cantanhede.

Ana Grácio Pinto

MUNDO PORTUGUÊS - ASSINE JÁ

Medalha de Mérito das Comunidades


Maior Onda surfada do Mundo


Mundo Português TV


Mundo Português APP





Meteorologia

Marcas Grupo